fbpx

Facebook Ads ou Google Ads: por onde começar a investir em mídia paga?

Google Adwords ou Facebook Ads? Qual é a melhor plataforma de anúncios pagos? Essa é uma dúvida de muitas pessoas quando começam a buscar resultados nas redes sociais.

As duas opções são vantajosas para quem quer visibilidade, tráfego e vendas, mas cada uma possui um direcionamento e um alcance que pode variar de acordo com cada segmento de negócio.

 

Google Adwords

Nesse formato as empresas podem se destacar nas páginas de resultados de pesquisa e outros pontos disponibilizados pelo Google. Com a ferramenta é possível pagar uma divulgação segmentada, o que ajuda a atrair um público qualificado e que tenha relação com a empresa.

No Google Ads, o anunciante define onde deseja que seja exibido o anúncio. Os canais disponíveis são:

Rede de display: são espaços em sites como portais de notícias, onde você pode fazer o público notar a sua empresa.

Rede de pesquisa: são exibidos resultados na busca para determinadas palavras-chave. Ficam em destaque no início e no fim da página, com um pequeno aviso avisando que se trata de mídia paga.

Youtube: é possível criar campanhas, e mostra-las antes, durante e depois de vídeos no Youtube. Há possibilidade de segmentar o público-alvo de acordo com idade, local, interesses e muito mais.

Shopping: com os anúncios no Google Shopping você exibe os produtos nos resultados de busca da seção Shopping do Google. Ou seja, é um meio focado em uma venda final.

Aplicativos: com esse formato é possível impulsionar a instalação de aplicativos das redes do Google.

 

Facebook Ads

Os posts do Facebook que aparecem em nosso feed escrito ‘patrocinado’ são os principais tipos de anúncio do Facebook.

Existem diferentes tipos de anúncios, cada um com seus objetivos. Veja alguns deles:

Reconhecimento da marca: tem o objetivo de alcançar pessoas com maiores chances de prestar atenção nos seus anúncios.

Alcance: exibe seu anúncio para o máximo de pessoas.

Tráfego: você tem a possibilidade de enviar o público atingido pelo anúncio para seu site ou também para te enviar mensagens, aumentando o tráfego nessas páginas.

Envolvimento: faz mais pessoas verem sua publicação ou página e se envolverem com ela.

Visualizações do vídeo: promove vídeos para aumentar a conscientização sobre a sua marca.

Geração de cadastros: coleta informações de cadastros de pessoas interessadas nos seus negócios, no qual preenche informações em troca de algum produto ou serviço.

Conversões: leva as pessoas a executarem ações no seu site ou aplicativo, como adicionar informações de pagamento ou fazer uma compra.

Cada um tem sua vantagem e devem ser analisados conforme a necessidade da empresa, segmento e objetivo. Ambos são vantajosos e devem ser utilizados para turbinar as vendas das empresas.

 

Deixe um Comentário